A independência é algo com que sonhamos, mas há coisas que só se descobrem morando sozinho. Entre risos e lágrimas, percebemos que nossos pais não eram ditadores, e só estavam tentando nos educar e dar uma boa dose de bom-senso.

Morando sozinho, passamos pelas fases de negação (“isto não pode estar acontecendo comigo”), raiva (“que droga, EU tenho que fazer isso”!), barganha (“talvez se eu comer só duas vezes ao dia, a cozinha suje menos”), depressão (“mãe, será que você não pode vir me visitar”?)  e aceitação (“minha mãe tinha razão”).

Ao morar sozinho você descobre que:

  1. As louças se acumulam na pia, sem um rato feiticeiro para te ajudar a lavar.

  2. Ah, isto vale também para o banheiro encardido ou começando a exalar cheiro de rodoviária. E não, baratas não são bichos de estimação.

  3. não ter mais meias ou roupas de baixo, pois estão todas sujas. A liberdade, bem como a lavanderia, são sua responsabilidade.

  4. descobrir que lavar roupas brancas com coloridas pode resultar num arco-íris infeliz de roupas manchadas.

  5. Chorar de fome por ter esquecido de preparar comida para você, estiver sem grana para pedir delivery, e cansado depois de um dia estressante.

  6. Achar que as melhores invenções do mundo são os enlatados e macarrões instantâneos (seguidos dos congelados, claro).

  7. Tornar-se um expert em produtos de limpeza, e estudar cuidadosamente a prateleira do mercado, vibrando com produto novo.

  8. Acordar atrasado e não ter ninguém a quem culpar por isto.

  9. Entender que a correspondência precisa ser aberta, para poder pagar as suas contas.

  10. Perceber que controlar as próprias finanças, é questão de sobrevivência. E descobrir para que serve uma planilha de gastos, em seguida.

  11. Finalmente, entender porque seus pais insistiam que precisava aprender a limpar seu quarto, ajudar com a louça e a lavanderia, e também saber preparar uma comida.

  12. Ligar para sua mãe para agradecer por tudo que ela te ensinou!

  13. Ouvir dela: “eu estava esperando este dia, vou comemorar”!

E você, tem algo diferente que aprendeu morando sozinho?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here